Pedro Yóssis Silva Barbosa

Pedro Barbosa possui graduação e mestrado em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e graduação em Telemática pelo Instituto Federal da Paraíba (IFPB). Atualmente é doutorando na UFCG e participa de projetos de desenvolvimento e pesquisa em segurança e privacidade. Em seu tempo livre, participa de competições de Capture the Flag (CTF) e é membro do Epic Leet Team (ELT).

Palestras

  • ROADSEC joão pessoa 01/07/2017

 

Título: Como crackear programas

Serão apresentados princípios e práticas sobre como crackear e analisar executáveis, tais como assembly x86 e amd64. Também serão apresentadas algumas ferramentas que auxiliam a análise estática, como o IDA PRO, e a análise dinâmica, como o GDB e sandboxes para analisar malwares. Além de apresentar técnicas de ataque, também serão apresentadas técnicas de defesa. Ofuscamento de programas dificultam a engenharia reversa, entretanto, podem ser consideradas deselegantes e nem sempre eficientes. Por isso, serão discutidas técnicas modernas e eficazes de defesa.

  • ROADSEC RECIFE 21/05/2016

Título: Desenvolvendo Aplicações de IoT Considerando a Privacidade dos Usuários

Para alcançar seus objetivos, aplicações e dispositivos de Internet das Coisas (IoT - Internet of Things) frequentemente coletam e compartilham dados dos usuários, fazendo com que a privacidade seja um desafio importante. Apesar de existirem normas (por exemplo o HIPAA) e técnicas (por exemplo, K-Anonymity) para preservar a privacidade dos usuários, não existem metodologias concretas para guiar desenvolvedores na construção de aplicações que preservam a privacidade. Segurança é apenas uma premissa necessária para que se possa alcançar privacidade e, neste contexto, são várias as considerações, como por exemplo: o contexto da aplicação, o formato dos dados, leis, tradeoffs entre risco e benefício, técnicas de privacidade, ataques e implementações. Esta palestra tem o objetivo de dar algumas diretrizes de como desenvolver aplicações de IoT que consideram a privacidade dos usuários.