Diego aranha

É Professor Doutor na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) desde 2014. Tem experiência na área de Criptografia e Segurança Computacional, com ênfase em implementação eficiente de algoritmos criptográficos e segurança de sistemas reais. Coordenou nos Testes Públicos de Segurança em 2012 e 2017 duas equipes de investigadores independentes que foram capazes de detectar e explorar vulnerabilidades no software da urna eletrônica em testes controlados organizados pelo Tribunal Superior Eleitoral. Recebeu em 2015 e 2016 os prêmios Google Latin America Research Awards para pesquisa em privacidade e Inovadores com Menos de 35 Anos Brasil da MIT Technology Review por seu trabalho com o voto eletrônico.

Palestra: Vulnerabilidades no software da urna eletrônica brasileira: 5 anos depois

A palestra apresenta uma análise de segurança do software brasileiro de votação a partir de resultados obtidos durante os Testes Públicos de Segurança organizados pelo Tribunal Superior Eleitoral em 2017. Durante o evento, foi possível explorar uma sequência de vulnerabilidades na proteção dos cartões de memória do equipamento e autenticação de arquivos para atingir o objetivo inédito de violar a integridade do software de votação. As vulnerabilidades são tratadas sob uma perspectiva histórica, relacionando os resultados de múltiplas análises independentes de segurança realizadas nos últimos 5 anos.