Deivison Pinheiro Franco

Mestre em Ciência da Computação e em Administração de Empresas. Especialista em Ciências Forenses e em Suporte a Redes de Computadores. Graduado em Processamento de Dados. Analista Sênior de Segurança da Informação do Banco da Amazônia. Professor Universitário. Perito Forense Computacional Judicial e Extrajudicial. Pesquisador e Consultor em Computação Forense e Segurança de Informações. Membro do IEEE Information Forensics and Security Technical Committee e da Sociedade Brasileira de Ciências Forenses. C|EH, C|HFI, DSFE e ISO 27002 Advanced. Autor e revisor técnico do livro Tratado de Computação Forense, revisor e membro do corpo editorial da Revista Brasileira de Criminalística e colunista das revistas eForensics Magazine, CryptoID e Segurança Digital.

Palestra:O "S" de IoT é de "Segurança" - Vulnerabilidades e Aspectos Periciais em Ambientes de IoT

Cada vez mais, as empresas estão conectando milhares de dispositivos à internet. Desde televisores inteligentes para salas de conferência até termostatos. A maioria destes dispositivos foi construída especificamente para realizar uma única função, sem levar em conta o fator segurança. Embora este fluxo de tecnologia seja fundamental para a evolução da nossa era digital, também apresenta uma nova camada de risco para as organizações. 

Padrões IoT estão surgindo tão fragmentados quanto seu próprio mercado. Essa ampla variação nos tipos de dispositivos, de uso e aplicativos em desenvolvimento tornaram a segurança de IoT um desafio para as empresas. 

A falta de visibilidade consistente sobre o fluxo de informações desses dispositivos, onde eles residem e sobre como controlá-los, amplia a superfície de ataque, dando aos cibercriminosos mais oportunidades para obter e usar informações confidenciais. Isso afeta de forma crítica a segurança dos ambientes onde IoT está inserida.

Essa palestra vai trazer algumas respostas e algumas reflexões quanto às questões de segurança em ambientes de IoT, seguidas de seus aspectos periciais. Espera-se que, ao final, o público se sinta impactado a ponto de querer estudar mais sobre a temática.